A penúltima mostra de imbecilidade das companhias