Nintendo riu na cara da Microsoft sobre possível compra